dezembro 01, 2009

de certa forma...simplesmente sombras.

Paro
Fico
não sei se vou
É a sombra
a bambolear no vento
É a dor a aninhar
no meu pensamento
É o labirinto
a fazer-se tamanho
em tão pouco
nada
Vou
e levo a minha sombra
a dançar-me por baixo dos pés



                                                               
de certa forma...olhando esta sombra, fica-se com a idéia que o tédio pode bambolear-se. E revelar-se até refrescante. E que tudo pode caber na entrada de uma qualquer porta decrépita e verde. Se não caíres nos degraus.


(imag. by me)
















1 comentário:

Vento disse...

persegue-te constantemente...

beijo grande